Equipe do SESI Marília desenvolve dispenser de álcool em gel de baixo custo

Trabalho foi realizado por colaboradores da área de manutenção da unidade e aparelho deve ser utilizado nas escolas SESI da região

 Por: Mayara Tolotti - Comunicação Regional
06/10/202015:45- atualizado às 15:45 em 06/10/2020

O uso de álcool em gel tem sido uma das medidas mais eficazes na luta contra o coronavírus, afinal a higienização das mãos é essencial para a prevenção da doença. E foi justamente focado nisso que Rubinei da Silva, supervisor de manutenção do SESI Marília, trabalhou nos últimos dias.

“Hoje, a necessidade da limpeza das mãos é fundamental para o controle do coronavírus, além de atender às leis da vigilância sanitária. Diante dessa necessidade, estão sendo produzidos pelo mercado alguns equipamentos conhecidos como dispenser de álcool em gel, acionados mecanicamente pelos pés. Fazendo uma pesquisa de preço, eles podem custar de $150 a $350 cada peça”, afirma ele.

Então, pensando na economia e na praticidade, Rubinei reuniu sua equipe e, juntos, confeccionaram os próprios dispensers de álcool em gel. “Utilizamos mão de obra local e reaproveitamos alguns materiais que não estavam sendo usados. Além disso, tivemos a oportunidade de ampliar a visão da equipe, valorizar o trabalho de cada um e, claro, reforçar a importância da higiene das mãos”, completa Rubinei.

Para a produção das peças, foram utilizados: 1,10 de tubo PVC 100mm, 2 TAP de 100mm, 30cm de tábua de 30cm, 2m de ferro 1/8, 8 arrebite n° 530, duas peças de acrílico (uma para servir de base para o álcool e uma para o pedal) e tinta. O adesivo para a parte externa foi confeccionado no FABLAB da unidade.

Rubinei relata ainda que foram feitas 20 peças em três dias com dois funcionários, contando com a pintura. “O mecanismo de funcionamento é simples e rápido e o custo é baixo. Cada peça custa, em média, $55, já contando a hora de trabalho dos funcionários”.

O aparelho já vem sendo utilizado no Centro de Atividades do SESI Marília e o objetivo é que sejam feitos novos equipamentos também para as escolas de Marília, Garça e Paraguaçu Paulista.

Leia também